Adultos - Escoteiros do Brasil
Área do associado

Últimos dias para garantir seu distintivo Grupo Padrão 2023

Últimos dias para garantir seu distintivo Grupo Padrão 2023

O tempo está voando e a chance de adquirir o distintivo Grupo Padrão Ano Base 2023 está chegando ao fim! 

Não perca a oportunidade de celebrar as conquistas do seu grupo e ostentar com orgulho esse símbolo de qualidade e excelência.

  • Prazo final: 31 de maio de 2024
  • Quem pode comprar:
    • Unidades Escoteiras Locais que conquistaram o distintivo em 2023 (Ouro, Prata ou Bronze)
  • Como comprar:
    • Através do Paxtu Administrativo
    • Acesse o sistema e siga as instruções para realizar a compra

Não perca essa chance!

Acesse o Paxtu Administrativo agora mesmo e garanta o seu distintivo Grupo Padrão 2023!

* Os distintivos pagos até 29/04 já foram enviados. A última remessa será enviada aos solicitantes até Junho/2024.

Heróis de Lenço | Suporte ao abrigo de 300 pessoas

A Promessa Escoteira tem uma frase emblemática, repetida em momentos solenes por todos os irmãos de lenço, dita quando decidem se engajar oficialmente ao Movimento Escoteiro: “ajudar o próximo em toda e qualquer ocasião”. Talvez seja a parte da Promessa que os não-escoteiros mais conhecem.

Desde que o Rio Grande do Sul teve quase 90% de suas cidades assoladas pelo desastre de enchentes jamais vistas, este que é um dos principais valores do Escotismo, tem motivado nossos jovens e adultos a fazerem seu melhor possível para ajudar os que foram afetados por essa tragédia que devastou o Estado e vai deixar sequelas que demandam longos esforços para sua reconstrução.

Por todo o Brasil, escoteiros se voluntariam nas mais diversas ações, e as palavras retaguarda e front repetem-se para descrever esta verdadeira guerra que está sendo travada na água. Um sentimento é comum a todos: enxergam-se como pequenas peças fazendo o mínimo. Não se consideram heróis, não se veem como notícia, não buscam os holofotes e são unânimes em achar que estão fazendo pouco. Escoteiros são parte do rosto real que foi em socorro dos atingidos e que vemos diariamente na imprensa: o povo auxiliando o povo, pessoas socorrendo pessoas. 

Conheça nesta série alguns dos rostos de escoteiros jovens e adultos que vestiram seus lenços e foram fazer sua parte, dar o seu melhor para ajudar os irmãos gaúchos a enfrentar e superar esta catástrofe humana e ambiental sem precedentes.

Suporte ao abrigo de 300 pessoas

Tatiane Gomide Machado Voelcker, 47 anos, é funcionária pública federal e também Diretora Presidente do GE Georg Black 001/RS. Estava de férias quando tudo começou. Não hesitou em chamar os Escoteiros para prestar suporte ao abrigo montado no Clube Sogipa.

A sede do Grupo Escoteiro Georg Black é um departamento integrante do clube Sogipa, um grande e tradicional clube porto-alegrense onde atualmente estão abrigadas quase 300 pessoas, que recebem suporte dos funcionários, dos sócios voluntários do clube, de voluntários externos, do Grupo Escoteiro e o acompanhamento contínuo da Prefeitura de Porto Alegre.

“Os Escoteiros gozam da confiança e da credibilidade da população. Nosso lenço ostentado com honra no pescoço representa e é visto como sinal de honestidade, lealdade e prontidão para servir. As pessoas nos procuram espontaneamente porque sabem que as doações serão efetivamente destinadas aos que precisam. Tem até os que acham que somos ‘autoridade’, embora sejamos apenas pessoas dedicadas a servir ao próximo.

Graças a Deus somos muitos voluntários participando do trabalho no abrigo da Sogipa. A diretoria do Clube definiu líderes por setores e organizou por turnos de trabalho (refeitório, limpeza, enfermaria, recreação infantil, vestiários, triagem de pessoas e de doações, e outras tarefas mais).

Em nosso Grupo, os escoteiros assumiram as tarefas de retaguarda, como a recepção, descarga e triagem das doações. Também estão ajudando a construir cercadinhos para cães e gatos resgatados, tanto os que ficam na área do clube Sogipa, quanto para o local onde são recebidos logo após resgate debaixo do Viaduto Utzig, por onde já passaram centenas de animais resgatados. Inicialmente os cercadinhos foram construídos de taquara, no estilo pioneiria e por fim foram confeccionados com madeira e tela, que terão maior durabilidade. Alguns Escotistas também apoiaram realizando a instalação de alguns toldos no local de resgate (viaduto Utzig). Além disso, temos escotista auxiliando na alimentação, passeio e cuidado dos animais que se encontram na Sogipa.

Os adultos voluntários estão no front em contato direto com os abrigados, cozinhando, limpando, alguns são médicos, enfermeiros, psicólogos e farmacêuticos por profissão, outros recolhem e entregam doações em um trabalho infindável, já que as águas não baixaram há 10 dias em Porto Alegre e no fim de semana do Dia das Mães voltaram a subir.

Para apoiar na organização e pontualmente na comunicação entre as lideranças definidas pelo Clube que estão atuando em diversas tarefas, o Grupo Escoteiro cedeu seus rádios comunicadores, usados quando temos acampamentos em grandes áreas.

Também doamos todos os itens de Primeiros Socorros que tínhamos na Sede Escoteira para serem utilizados na enfermaria do Clube.

“Minhas férias, já acabaram e retornei ao trabalho, mas continuo no front com meus escoteiros, pois temos um longo caminho até a reconstrução do nosso Rio Grande”, nos conta Tatiane.

Contribua com as ações da Região Escoteira do Rio Grande do Sul pela chave PIX 33.788.431/0014-38. 

Tem uma história para compartilhar? Envie pra gente pelo e-mail [email protected]

Matéria escrita por Tisa Kastrup – CFL do GE Santos Dumont 23/PR. 

Revisão: Escritório Nacional.

Heróis de Lenço | No Front com medo da chuva

A Promessa Escoteira, com sua frase emblemática “ajudar o próximo em toda e qualquer ocasião”, tem impulsionado os escoteiros a agir diante da tragédia climática no Rio Grande do Sul, onde quase 90% das cidades foram afetadas por enchentes devastadoras. Este valor fundamental do Escotismo tem motivado jovens e adultos a se dedicarem ao auxílio das vítimas e à reconstrução do estado. Escoteiros em todo o Brasil estão se voluntariando em diversas frentes, sem buscar reconhecimento ou holofotes, mas sim vendo-se como parte de um esforço coletivo para ajudar seus irmãos gaúchos a enfrentar e superar essa crise sem precedentes.

Um sentimento é comum a todos: enxergam-se como pequenas peças fazendo o mínimo. 

Nesta série, ‘Heróis de Lenços’, mergulharemos nas histórias e depoimentos emocionantes de nossos irmãos escoteiros, jovens e adultos, que vestiram seus lenços e se lançaram na missão de auxiliar os irmãos gaúchos a superar esta catástrofe humana e ambiental sem precedentes, oferecendo o melhor de si para essa causa nobre.

No Front com medo da chuva

Rafaela Brugnara Zorzan, 19 anos, é pioneira no Clã Tupancy do Grupo Escoteiro Tupanciguara 047/RS de Santa Maria. Aprovada na UFSM em Enfermagem, vive um “semestre sabático” pois seu curso só começa no segundo semestre. Ela é voluntária desde o primeiro dia.

Desde que tudo começou, eu não consegui ficar quieta, querendo manter o que prometi ao me tornar escoteira: ajudar o próximo em toda e qualquer ocasião, ser cortês, amiga e irmã dos demais escoteiros. Não fui afetada, então tinha cabeça e tempo para ajudar. Como escoteira, meu primeiro instinto foi ajudar desde quando as águas subiram. Comprei alimentos e fiz marmitas para caminhoneiros presos nas estradas que literalmente desabaram. Participo de vários grupos e fico atenta para me deslocar aonde mais precisam de ajuda, onde eu posso e consigo chegar. Seja para cozinhar, limpar, fazer triagem de donativos ou entregar marmitas. Meu grupo escoteiro conseguiu muitas doações de outro grupo escoteiro de São Paulo; montamos mais de 50 kits de higiene pessoal e de limpeza. Conseguimos parceria com a Base Aérea de Santa Maria, que vai distribuir os kits por helicóptero nos diversos distritos que estão isolados.

No front, a gente acaba conversando, ouvindo as histórias e conhecendo as perdas de cada um que vem em busca de ajuda. Quando voltava para minha casa, eu só queria deitar e chorar.

É bizarro como tudo acontece de repente. Amigos escoteiros diziam que estavam bem, mas poucos minutos depois chegavam mensagens avisando que tinham perdido tudo, que a casa deles tinha ido embora ou que a água já estava no teto e eles estavam apenas com a roupa do corpo. Ler isso e não poder estar lá para ajudar, acolher, dar um abraço, nos deixa com um sentimento muito grande de impotência. As redes sociais bombardeando imagens desoladoras é um desgaste emocional muito grande. Quem está seguro não está bem, e quem não está seguro está pior ainda. Eu, que sempre amei a chuva, agora tenho medo dela, porque não sei mais o que esperar.

A gente recupera um pouco da esperança vendo a mobilização dos jovens escoteiros doando seu tempo, dinheiro e serviços. É lindo ver como nós, pioneiros, estamos colocando o lema “SERVIR” em ação, o quanto os lobinhos estão fazendo seu melhor possível, deixando ir seus brinquedos favoritos porque sabem que há crianças precisando mais do que eles naquele momento, e os escoteiros alertas e prontos para ajudar como podem.

A água lavou nosso Estado, e isso jamais será esquecido. Precisamos de soluções, prevenção e segurança. Quero que as pessoas não sintam mais medo da chuva e de perder suas casas, que elas se sintam seguras onde vivem”, relata Rafaela, visivelmente emocionada.

Contribua com as ações da Região Escoteira do Rio Grande do Sul pela chave PIX 33.788.431/0014-38. 

Tem uma história para compartilhar? Envie pra gente pelo e-mail [email protected].

Matéria escrita por Tisa Kastrup – CFL do GE Santos Dumont 23/PR. 

Resultados dos selecionados na Operação 100 – Jamboree do Centenário

Anunciamos os selecionados na Operação 100!

Preparem-se para uma aventura que desafiará seus limites e irá expandir seus horizontes!

É hora de desbravar caminhos desconhecidos, viver experiências memoráveis e descobrir tudo o que o espera no evento mais aguardado pelos Escoteiros do Brasil!

Ao longo de uma trajetória centenária, os Escoteiros do Brasil têm impactado a vida de milhares de jovens, transmitindo valores como respeito, responsabilidade e liderança.

O Jamboree do Centenário oferece a oportunidade para que os jovens vivenciem experiências educativas junto à natureza, oportunizando o diálogo, além de servir como um ambiente de amizade e integração, trabalhando na construção de um mundo melhor.

A Operação 100,  com o apoio adicional de R$ 7.000 da OFL – Ordem da Flor de Lis, conseguiu expandir o número de jovens beneficiados, assegurando equidade de gênero e representação de diferentes espaços territoriais e após o processo de avaliação, temos o prazer de revelar os nomes dos jovens que se destacaram por suas habilidades, conhecimentos e potencial. 

Cada candidato selecionado receberá uma bolsa de participação que inclui: 

  • Inscrição no evento; 
  • Passagens de ida e volta e auxílio de custo para traslados, de acordo com o que foi apresentado no processo seletivo; 
  • Alimentação durante translado;

Agradecemos a todos os candidatos que participaram da Operação 100. Seu interesse e entusiasmo nos inspiram a continuar buscando e aprimorando novos talentos. 

Desejamos aos participantes uma experiência única, impactante e inesquecível. 

Parabéns aos selecionados*:

Alícia Machado

Ana Sophya Anselmo Dos Santos 

Cleyton Charles Araújo De Lima 

Dherick Denzel De Oliveira Nunes

Eduardo Almeida Dos Santos

Heloise Siqueira Martins

Isabella Estevão De Sousa

Jhenifer Kayara Cavalcanti Brito

Joellington De Oliveira Santos Junior

Julia De Souza Gomes 

Lucas Melo Moraes

Maria Clara Dos Santos Bacelar

Marina Domingos Da Silva 

Pedro Henrique Estevão De Sousa

Rachel Vitória De Souza Dos Santos Almeida

Raphael Augusto Souza Correa 

Roberty Souza Dos Santos 

Samir Gamal Dahrouge

Sofia Silva Melo 

Victória Miranda 

Yasmin Fonseca Da Rosa

Yumi Hamachi Gomes Moreira

* Lista dos Candidatos Selecionados, em ordem alfabética.

A Equipe do Escritório Nacional entrará em contato com cada selecionado ainda esta semana para fornecer orientações sobre a próxima etapa do processo.

O Jamboree do Centenário está chegando! Preparem-se para a Aventura!

Chamada Aberta Conferência Internacional Católica de Escotismo

A Diretoria Executiva Nacional (DEN), no uso de suas atribuições, por meio de sua Diretoria Nacional de Relações Internacionais, informa a abertura do prazo para o envio de documentos dos(as) interessados(as) em apresentar-se para candidatura da União dos Escoteiros do Brasil (UEB) a membro do Comitê Mundial da CICE cujas vagas serão preenchidas na Conferência Mundial da CICE, a ser realizada entre os dias 11 e 14 de agosto de 2024 no Cairo, Egito.

O Comitê Mundial é o órgão diretivo da CICE. De acordo com o artigo 24-2 da Constituição, os quatro membros eleitos do Comitê Mundial são eleitos no Conselho Mundial para um mandato de 3 anos; eles não podem servir 2 mandatos consecutivos.

O Comitê Mundial é composto da seguinte forma: quatro membros eleitos pelo Conselho, de preferência de diferentes regiões, diferentes gerações e gêneros atuando como: Presidente Mundial; o Vice-Presidente Mundial; o Tesoureiro Mundial; o Secretário Mundial. Além disso, compõem o Comitê Mundial os Presidentes Regionais (eleitos na sua própria Região) e o Capelão Mundial.

Chamada para Candidatura ao Comitê Mundial da CICE

Boletim 1

Processo Seletivo da Rede Nacional de Jovens Líderes – 43ª Conferência Mundial Escoteira

A Conferência Mundial Escoteira, órgão diretivo da Organização Mundial do Movimento Escoteiro (OMME/WOSM), se reunirá no Cairo, Egito, dos dias 17 a 23 de agosto de 2024. O evento reunirá representantes das 174 Organizações Escoteiras que compõem a Organização Mundial do Movimento Escoteiro, que deliberarão sobre questões relativas às políticas e padrões mundiais da organização. 

Todas as informações sobre o evento podem ser encontradas nos Boletins  publicados pelos Escoteiros do Brasil e no site oficial.

Os Escoteiros do Brasil serão representados por seis delegados; dois deles serão associados com idade inferior a 30 anos, selecionados por meio do processo seletivo descrito neste documento.

A participação de jovens na 43ª Conferência Mundial Escoteira é de extrema importância para os Escoteiros do Brasil. Historicamente, os Escoteiros do Brasil tem incluído em suas delegações jovens comprometidos e capacitados para ocupar posições de tomada de decisão na instituição. Os Escoteiros do Brasil são ativos na defesa de pautas relevantes para a juventude, sempre valorizando a visão ímpar de seus jovens associados, trabalhando em conformidade com as Políticas de Envolvimento Juvenil.

Processo Seletivo da Rede Nacional de Jovens Líderes – 43ª Conferência Mundial Escoteira

Chamada aberta para pioneiros integrarem a Equipe Nacional do Ramo Pioneiro

Com o objetivo de garantir à Equipe Nacional do Ramo Pioneiro uma composição mais abrangente, bem como o envolvimento dos jovens do ramo nas operações, além de se constituir também em oportunidade de capacitação e aprendizagem, a União dos Escoteiros do Brasil está lançando uma “chamada aberta” para pioneiros(as) interessados em ingressar na equipe.

A Equipe Nacional do Ramo Pioneiro será composta por oito integrantes.

Chamada aberta para pioneiros integrarem a Equipe Nacional do Ramo Pioneiro

Tragédia climática no sul do Brasil | Climate tragedy in southern Brazil | Tragedia climática en el sur de Brasil

Tragédia climática no sul do Brasil: Chuvas persistentes há uma semana causam calamidade no Rio Grande do Sul. Mais de 300 cidades afetadas, 141,3 mil desabrigados. Governo declara estado de calamidade. Escoteiros lideram esforços de assistência, incluindo resgate, distribuição de doações e apoio médico. Ajude-nos nesta causa: conta bancária disponível para doações.


Climate tragedy in southern Brazil: Persistent rains for a week cause calamity in Rio Grande do Sul. Over 300 affected cities, 141.3 thousand homeless. Government declares a state of calamity. Scouts lead assistance efforts, including rescue, donation distribution, and medical support. Please help us in this cause: bank account available for donations.


Tragedia climática en el sur de Brasil: Lluvias persistentes durante una semana causan calamidad en Rio Grande do Sul. Más de 300 ciudades afectadas, 141.3 mil personas sin hogar. El gobierno declara estado de calamidad. Los scouts lideran los esfuerzos de asistencia, incluyendo rescate, distribución de donaciones y apoyo médico. Por favor, ayúdenos en esta causa: cuenta bancaria disponible para donaciones.


Informativo Geral (PT)

General Information (EN)

Información General (ES)


Carta WOSM para a região do RIO GRANDE DO SUL

Os Escoteiros do Brasil expressam profunda gratidão pelo carinho da comunidade escoteira internacional, como evidenciado nesta carta de solidariedade assinada por líderes mundiais e regionais. Em meio a uma catástrofe sem precedentes, o apoio da nossa família escoteira global é de imensa importância. Cada mensagem de solidariedade recebida é um lembrete poderoso de que não enfrentamos esta jornada sozinhos. Unidos, somos uma força capaz de superar qualquer desafio e edificar um mundo mais solidário e melhor para todos.

Carta Oficial (EN)

Carta Traduzida (PT)




Prorrogação publicação processo seletivo – Jamboree do Centenário

Prezados associados,

Gostaríamos de informar que, devido a questões técnicas relacionadas a uma área geográfica específica, precisaremos adiar a divulgação da operação 100 do Jamboree do Centenário dos Escoteiros do Brasil. Estamos cientes da importância desse evento e estamos trabalhando arduamente para garantir que todas as informações relevantes sejam compartilhadas com todos

Pedimos desculpas por qualquer inconveniente que esse atraso possa causar e queremos assegurar que estamos dedicando todos os esforços para resolver essas questões o mais rápido possível. A nova data para a divulgação está prevista para quinta-feira, dia 10 de maio de 2024*.

Agradecemos sinceramente a compreensão e paciência de todos durante este processo. Com o apoio contínuo de nossa comunidade, estamos confiantes de que faremos deste Jamboree do Centenário um evento verdadeiramente memorável.


Atualizada a nova data para o dia 10 de maio. Anteriormente havíamos informado que seria publicada dia 09 de maio.

Confira esse e outro Boletins do Jamboree do Centenário

Skip to content