Parabéns aos Escoteiros do Mar!

11 junho 2018

No dia 11 de junho é celebrado por todo o país o aniversário da modalidade do Mar dos Escoteiros do Brasil. Mas você sabe o motivo da data, e como foi o desenvolvimento das atividades marítimas por aqui?

Quando mais novo, Baden-Powell costumava a sair para aventuras marítimas com seus irmãos, liderados pelo mais velho, Warington. As férias de nosso fundador eram repletas de descobertas à bordo de embarcações, sendo também uma bela oportunidade de exercitar a disciplina e enfrentar desafios. Tais experiências teriam levado B-P a escrever “se eu tivesse sido um escoteiro na minha infância, teria sido um Escoteiro do Mar”.

Por conta da paixão e envolvimento de B-P com as atividades em alto mar, um acampamento liderado pelo Fundador em agosto de 1909 reuniu jovens às margens do Rio Beaulieu, para o primeiro Acampamento de Escoteiros do Mar. Enquanto parte do grupo estava embarcada em um navio cedido à Tropa Mercúrio, a outra metade ficou em terra, invertendo os grupos no andamento da atividade. Em 1910, foi publicado por B-P o livro “Escotismo do Mar para Rapazes”, introduzindo as temáticas e especialização, enquanto aguardavam um manual produzido por Warington – publicado em 1912.

No Brasil, a modalidade foi introduzida após uma visita proposta pelo Velho Lobo, Tenente Benjamin Sodré, à cerimônia de Promessa dos primeiros Escoteiros do Pará. Os oficiais da missão José Bonifácio acabaram convidando os novos Escoteiros para visitar o cruzador, e Benjamin Sodré, juntamente com Frederico Villar e Gumercindo Loretti desenvolveram a ideia de criar o Escotismo do Mar em terras brasileiras. A partir de 1921, quando o primeiro grupo do Mar surgiu – (G.E. do Mar Decimo (10°/RJ), outros grupos foram surgindo, fortalecendo o interesse e importância da modalidade.

O dia 11 de junho foi escolhido para celebrar o aniversário dos Escoteiros do Mar por coincidir com a data magna da Marinha do Brasil. Na ocasião foi travada a Batalha do Riachuelo, um dos conflitos no âmbito da Guerra do Paraguai. O Almirante Eduardo Bacellar Leal Ferreira, comandande da Marinha, parabenizou a modalidade por meio de uma carta. Estelina Mendes Terra, Coordenadora Nacional da Modalidade do Mar, agradeceu a homenagem. “Não temos palavras para agradecer as palavras honrosas, de carinho e afeto dirigidas aos nossos jovens os quais sentem orgulho por serem Escoteiro do Mar”.

Confira a íntegra do documento de parabenização enviado pela Marinha do Brasil:
Mensagem do Comandante da Marinha aos Escoteiros do Mar

Skip to content