Mais de 450 escoteiros movimentaram Pato Branco (PR) em evento escoteiro

27 setembro 2016

Neste fim de semana, o parque de exposições de Pato Branco foi palco do Evento Regional de Escoteiros, chamado de Motirõ (reunião de pessoas) Sudoeste – Acantonamento Regional de Lobinhos. Os grupos vindos do Paraná e de Santa Catarina começaram a chegar na sexta-feira (23); as atividades encerraram neste domingo, dia 25.

A expectativa dos organizadores era reunir cerca de 250 pessoas, mas o encontro foi um sucesso de público ainda maior. Entre crianças e jovens, de 7 a 21 anos, incluindo chefes e equipe de apoio, participaram aproximadamente 450 pessoas. O tema desta edição foi a “Era Medieval”, e os escoteiros foram caracterizados.

Márcio Ribas, do grupo de escoteiros Primavera de Pato Branco, disse que as atividades desenvolvidas ao longo destes dias ajudam crianças e jovens a desenvolverem a integração com outros grupos, sem falar no fortalecimento da amizade. “As atividades são sempre direcionadas ao aprendizado e progressão do jovem, tanto no movimento escoteiro, quando na vida em sociedade.”

Além de várias brincadeiras, os grupos participaram de atividades espirituais, jogos medievais, corridas de orientação, e ainda realizaram trabalhos sociais. O evento foi fechado, visando a segurança dos participantes.

Experiência de vida

Otávio Seleski Pasqualotto tem apenas oito anos, e mesmo tão novo, já pode dizer que viveu um grande aprendizado. Lobinho do grupo de “Escoteiro 14 de Dezembro” há dois anos, essa é a primeira vez que participa do acantonamento, contou a mãe Anni Seleski.

O menino, que mora em Francisco Beltrão com a família, precisou ficar longe de casa por três dias – e num acampamento de escoteiros. Para a mãe, uma saudade que valeu a pena sentir. “O grupo de escoteiro transmite muitos valores que estão sendo deixados de lado. Considero muito importante incentivar atividades que farão bem para colaborar na educação de nossos filhos. Acantonamento é se virar sozinho. Vamos ver na volta pra casa, como será”, declarou.

Fonte: Diário do Sudoeste

Skip to content