Escoteiros do Brasil - Educação e lazer para crianças e jovens

UEB abre processo para contratao de Gerente Geral


26/10/2011 17:22:29


Business Partners Consulting, atendendo seu cliente, Unio dos Escoteiros do Brasil, seleciona:

Gerente Geral

Local de trabalho
Curitiba Paran


Atividades

  • Desenvolver e implantar novas estratgias de atuao na Gesto do Escritrio Nacional dos Escoteiros do Brasil.
  • Suportar as unidades regionais na implantao de processos e projetos, visando o estabelecimento de uma cultura de servio e inovao.
  • Supervisionar o correto emprego dos recursos humanos, fsicos e financeiros.
  • Contribuir com iniciativas de captao de recursos, identificando novas oportunidades de parcerias e alianas.
  • Zelar pela eficcia da comunicao nos mbitos internos e externos do Escritrio Nacional.
  • Promover e resguardar os interesses do Movimento Escoteiro.
  • Representar os Escoteiros do Brasil em eventos determinados pela Diretoria.

Requisitos necessrios

  • Formao Superior Completa. Desejvel ps-graduao.
  • Ingls avanado e Espanhol intermedirio.
  • Experincia com gesto estratgica de negcios- desejvel o foco em Organizaes do Terceiro Setor.
  • Gesto de equipes, parceiros intra e interinstitucionais- inclusive internacionais.
  • Ser membro/ apoiador do Movimento Escoteiro ser considerado diferencial, bem como trabalho voluntrio em ONGs voltado ao pblico jovem.
  • Disponibilidade para residir em Curitiba e realizar viagens constantes.

Interessados devem encaminhar currculo at 18/Nov/11, com pretenso salarial, para: [email protected]

Convocao de candidatos para a posio:
Gerente-Geral dos Escoteiros do Brasil

Os Escoteiros do Brasil esto a procura de um(a) executivo com forte afinidade aos
princpios e valores do Movimento Escoteiro, disposto(a) a assumir tarefas e desafios que contribuam para a educao dos jovens, ajudando a construir um mundo melhor.
O papel principal deste Secretrio-Geral consiste em servir aos jovens, atravs da Organizao Nacional Escoteira, criando uma cultura de inovao e implantao de um
senso de responsabilidade para atingir resultados duradouros.
O Escotismo, fundado por Lord Robert Stephenson Smyth Baden-Powell, em 1907, um movimento mundial, educacional, voluntrio, apartidrio e sem fins lucrativos. A sua proposta o desenvolvimento do jovem, por meio de um sistema de valores que prioriza a honra, baseado na Promessa e na Lei escoteira, atravs da prtica do trabalho em equipe e da vida ao ar livre, fazer com que o jovem assuma seu prprio crescimento, tornar-se um exemplo de fraternidade, lealdade, altrusmo, responsabilidade, respeito e disciplina.
A Unio dos Escoteiros do Brasil (UEB), filiada Organizao Mundial do Movimento
Escoteiro, uma sociedade civil de mbito nacional, de direito privado e sem fins
lucrativos, de carter educacional, cultural, beneficente e filantrpico, reconhecida de
utilidade pblica, que congrega os Grupos de Escoteiros no Brasil.
Hoje existem cerca 64.500 escoteiros filiados Unio dos Escoteiros do Brasil.
A UEB est organizada em 3 nveis:
O Nacional, com autoridade em todo o Territrio brasileiro;
O Regional, denominado Regio Escoteira, podendo abranger uma ou mais unidades da federao, ou parte delas, com autoridade sobre a rea que lhe for fixada normalmente compreende os Estados da Federao;
O Local, constitudo pelos Grupos Escoteiros que so as organizaes locais para a
prtica do Escotismo.

O cargo de Secretrio-Geral dos Escoteiros do Brasil representa uma oportunidade
nica para um(a) lder autoconfiante, dinmico(a), inspirador(a), com mentalidade vencedora, disposio para promover mudanas e revigorar o desempenho da organizao - voltada para a educao no-formal de crianas e jovens e dedicada a criar um mundo melhor. Este desafio requer poder de persuaso e capacidade de negociao de um indivduo apto a trabalhar de forma eficiente em um ambiente internacional e multicultural.

Descrio e Anlise de Cargo
Cargo: Secretrio-Geral dos Escoteiros do Brasil
Unidade: Sede dos Escoteiros do Brasil - Curitiba PR
rea de Atuao: Nacional
Nvel do Cargo: Estratgico
Nvel de Escolaridade: Nvel superior, preferencialmente na rea de administrao. Psgraduao ou MBA em Gesto Estratgica ou afim ser considerado diferencial.

Conhecimentos Especficos: Planejamento Estratgico; Acompanhamento de Projetos; Finanas; Gesto de Pessoas; Resoluo de Conflitos; Capacitao de Equipe; Domnio avanado no idioma ingls e intermedirio no idioma espanhol; Domnio das regras de gramtica da lngua portuguesa, habilidade de redao e boa oratria; Noo do Movimento Escoteiro nos nveis Local, Nacional e Mundial; Domnio de softwares editores de texto, planilhas e de apresentaes; Indicado o conhecimento de ferramentas de gerenciamento e conhecimento no uso de redes sociais que possam contribuir positivamente com os objetivos da associao.

Experincia anterior ao Cargo: Realizao documentada de atividades voluntrias ser considerado diferencial; Experincia na gesto de organizaes de Terceiro Setor (ou do prprio Escotismo); Experincia em elaborao, implantao e companhamento de plano estratgico.

Atribuies Funcionais

O(a) Secretrio-Geral tem como atribuies funcionais:
1- Gerenciar o Escritrio Nacional dos Escoteiros do Brasil.
O Escritrio Nacional dos Escoteiros do Brasil constitudo por um corpo de profissionais que atuam em diversas reas trabalhando pelo bom funcionamento da estrutura operacional da Unio dos Escoteiros do Brasil.
1.1 Inspirar, motivar e dar suporte aos profissionais e dirigentes voluntrios do
nvel nacional dos Escoteiros do Brasil.
1.2 Promover uma nova cultura de servio e inovao no mbito da Associao.
1.3 Dirigir e orientar as atividades do Escritrio Nacional, sob orientao e
superviso da Diretoria Executiva Nacional (DEN) e auxlio do corpo de
profissionais, nas seguintes rotinas:
1.3.1 Desenvolver e implementar a estratgia de atuao do Escritrio
Nacional;
1.3.2 Gerenciar o dia-a-dia do Escritrio Nacional, estabelecendo de forma
clara as rotinas internas, responsabilidades e nveis de deciso;
1.3.3 Gerenciar de forma pr-ativa os recursos humanos e assegurar o
desenvolvimento do talento global dos profissionais do Escritrio Nacional;
1.3.4 Facilitar e garantir os processos de colaborao no Escritrio Nacional;
1.3.5 Supervisionar as finanas e acompanhar a prestaes de contas;
1.3.6 Priorizar e otimizar a distribuio de recursos para atingir os objetivos
estabelecidos;
1.3.7 Contribuir com iniciativas de captao de recursos, identificando novas
oportunidades de arrecadao e implementando-as;
1.3.8 Assegurar a comunicao nos mbitos internos e externos do Escritrio
Nacional;
1.3.9 Promover uma orientao para resultados sustentveis e responsveis
do ponto de vista social e ambiental.
1.4 Assegurar a implementao de prticas de boa governana no Escritrio
Nacional.
1.5 Promover e resguardar os interesses do Movimento Escoteiro.
1.6 Construir relacionamentos dentro e fora da Organizao Escoteira em prol do
desenvolvimento do Escotismo.
1.7 Representar os Escoteiros do Brasil eventualmente e nos limites definidos pela
DEN.
1.8 Apoiar e dar suporte aos Escritrios Regionais dos Escoteiros do Brasil.
1.9 Juntamente com o Comissrio Internacional dos Escoteiros do Brasil,
estabelecer o relacionamento entre o Escritrio Nacional, Organizao Mundial
do Movimento Escoteiro e as Organizaes Escoteiras Nacionais de outros
pases.
1.10 Gerenciar a implementao do Plano Estratgico dos Escoteiros do Brasil,
dando suporte s Regies Escoteiras, motivando os diversos envolvidos
(profissionais, voluntrios e associados), acompanhar sua execuo
reportando e elaborando relatrios de acompanhamento e gesto DEN e ao
Conselho de Administrao Nacional (CAN).

Conhecimentos Necessrios

O(a) candidato(a) ideal dever desenvolver papel estratgico em negcios operacionais, gesto financeira e capacitao da equipe. Deve possuir experincia nestas reas adquirida atravs de uma formao acadmica slida e da atuao em organizaes privadas ou pblicas, seja como voluntrio ou profissional remunerado.
necessrio para o(a) candidato(a) a capacidade de articulao e comunicao hbil
com sua equipe e com parceiros intra e interinstitucionais, inclusive internacionais.
A experincia dentro do prprio Movimento Escoteiro ser considerado diferencial.
Experincia de trabalho com jovens em organizaes de nvel nacional e/ou internacional tambm desejvel. O trabalho voluntrio junto a uma ONG dedicada a esta causa ser considerado diferencial.

Caractersticas/Competncias Comportamentais Desejadas

Liderana
- Capacidade de formar e gerenciar equipes de trabalho de forma a cumprir as metas
planejadas;
- Valorizao de diferentes pontos de vista, sendo capaz de sintetiz-los e de buscar
decises por consenso;
- Experincia de liderana em um ambiente colaborativo;
- Mentalidade internacional e multicultural;
- Capacidade de gerenciar a complexidade e ambigidade no trato com voluntrios;
- Criatividade e viso para o desenvolvimento e adaptao para coordenar aes e
executar estratgias.

Comunicao
- Capacidade de estabelecer um sistema de informaes. Gerenciar interfaces com todos
os envolvidos;
- Um estilo entusistico motivacional;
- Capacidade de dar e receber feedback sobre o comportamento, estilo e desempenho;
- Capacidade de representar a organizao externamente em diferentes ambientes,
passando credibilidade;
- Saber comunicar-se com clareza e de forma capaz a motivar as pessoas, inclusive
grupos de base.

Dinamismo
- Capacidade de gerenciar relaes humanas, resolvendo conflitos e motivando pessoas;
- Capacidade de avaliar oportunidades para organizar e facilitar a implementao de
mudanas.

Empreendedorismo
- Capacidade de elaborar e gerenciar planos financeiros e de desembolso necessrios;
- Forte capacidade para desenvolver uma estratgia slida de longo prazo e alinhar os
recursos de acordo;
- Capacidade para o gerenciamento das finanas;
- Forte capacidade analtica e intelectual.

Habilidade de Negociao
- Capacidade de estabelecer parcerias, desenvolver habilidades interpessoais, inspirar,
influenciar e colaborar com uma grande quantidade de possveis parceiros com interesses comuns;
- Experincia em funes que exigem extensa rede de relacionamento e construo de
alianas;
- Experincia em gerir eficazmente o desenvolvimento do talento e desempenho das
equipes de trabalhos;
- Habilidade em entender as motivaes, presses e desafios encontrados pelos colegas, parceiros e outros atores.

Pontualidade
- Capacidade de atribuir e gerenciar prazos de execuo das atividades atribudas.
Acima de todas estas caractersticas o(a) candidato(a) deve ser um indivduo de elevado valor moral, ntegro, capaz de compreender e aceitar o compromisso com os princpios fundamentais do Movimento Escoteiro.

Relaes
- Reporta-se diretamente ao Diretor Presidente da Diretoria Executiva Nacional;
- Forte relao com os Conselheiros Nacionais, Diretores Nacionais e Profissionais do
Escritrio Nacional;
- Relacionamentos com os Diretores Regionais, Profissionais dos Escritrios Regionais e
com Voluntrios, em especial os que assumem funo de coordenao nas Comisses
Nacionais.

Condies de Trabalho
1- Ambiente de Trabalho - Trabalho realizado no Escritrio Nacional em Curitiba, mas com viagens freqentes pelas regies escoteiras inclusive aos finais de semana e feriados. Possibilidade de viagens ao exterior.
2- Esforo Fsico - Elevado nvel de concentrao.
3- Risco de Acidentes - Muito Baixo.

Interessados devem encaminhar currculo at 18/Nov/11, com pretenso salarial, para: [email protected]

Arquivo Relacionado

Divulgao de vaga para Gerente Geral da UEB

Fale

Conosco

Escoteiros do Brasil - Educação e lazer para crianças e jovens