Escoteiros do Brasil - Educação e lazer para crianças e jovens

FELIZ DIA DO ESCOTEIRO E FELIZ PSCOA


20/04/2011 17:18:20



Entre os dias 1 e 8 de agosto de 2010, a convite da Associao Escoteira do Japo (Scout Association of Japan SAJ), Luiz Cesar Simas Horn (o nosso querido Miro) e eu participamos do 15 Nippon Jamboree , realizado no Asagiri Plateau, na cidade de Fujinomiya, bem prximo ao Monte Fuji, num local belssimo (no mesmo local em que foi realizado o Jamboree Mundial de 1971).

No Sempre Alerta Eletrnico de setembro do ano passado, tive oportunidade de contar um pouco dessa experincia muito enriquecedora, seja do ponto de vista escoteiro, seja do ponto de vista pessoal.

Hoje, a poucos dias do Dia do Escoteiro e da Pscoa, quando lembramos ainda mais intensamente da nossa Promessa e Lei Escoteiras e da importncia de Jesus Cristo, gostaria de compartilhar com vocs algumas coisas que me impressionaram no povo Japons e que, depois dos eventos de 11 de maro, confirmaram essa minha impresso to positiva acerca desse povo maravilhoso.

Os eventos de 11 de maro surpreenderam o mundo de duas maneiras. A primeira pela violncia do tsunami e dos vrios terremotos, bem como dos perigos de radiao das usinas nucleares de Fukushima. A segunda pela disciplina, ordem, dignidade, pacincia, honra e respeito de todas as vtimas. O Japo “Escoteiro”, tal como definido pela jornalista Amy Chavez, colunista do The Japan Times, em artigo publicado em 15 de maro.

Nos abrigos, a surpresa das reprteres norte americanas: ningum queria tirar vantagem sobre ningum. Compartilhavam cobertas, alimentos, dores, saudades, preocupaes, massagens. Cada qual se mantinha em sua rea. As crianas no faziam algazarra, no corriam e gritavam, mas se mantinham no espao que a famlia havia reservado.

No furaram as filas para assistncia mdica quantas pessoas necessitando de remdios perdidos mas esperaram sua vez tambm para receber gua, usar o telefone, receber ateno mdica, alimentos, roupas e escalda ps singelos, com pouqussima gua.

Compartilharam tambm do resfriado, da falta de gua para higiene pessoal e coletiva, da fome, da tristeza, da dor, das perdas de verduras, leite, da morte.

Nos supermercados lotados e esvaziados de alimentos, no houve saques. Houve a resignao da tragdia e o agradecimento pelo pouco que recebiam.

Desculpe, sinto muito, com licena. Por vezes parecia que as pessoas pediam desculpas por viver. Desculpe causar preocupao, desculpe incomodar, desculpe precisar falar com voc, ou tocar sua porta. Desculpe pela minha dor, pelas minhas lgrimas, pela minha passagem, pela preocupao que estamos causando ao mundo.

Quando temos humildade e respeito, pensamos nos outros, nos seus sentimentos, necessidades. Quando cuidamos da vida como um todo, somos cuidados e respeitados.

O inverso no verdadeiro: se pensar primeiro em mim e s cuidar de mim, perderei. Cada um de ns, cada uma de ns o todo manifesto.

Acompanhando as transmisses na TV e na Internet pude pressentir a ateno e cuidado com quem estaria assistindo: mostrar a realidade, sem ofender, sem estarrecer, sem causar pnico. As vtimas encontradas, vivas ou mortas eram gentilmente cobertas pelos grupos de resgate e delicadamente transportadas quer para as tendas do exrcito, que serviam de hospital, quer para as ambulncias, helicpteros, barcos, que os levariam a hospitais.

Anlise da situao por especialistas, informaes incessantes a toda populao pelos oficiais do governo e a noo bem estabelecida de que "somos um s povo e um s pas".

Lembramos com essa tragdia que a vida transitria, nada seguro neste mundo, tudo pode ser destrudo em um instante e reconstrudo novamente.

Reafirmando a Lei da Causalidade podemos perceber como tudo est interligado e que o planeta tem seu prprio movimento e vida. Estamos na superfcie, na casquinha mais fina. O que podemos fazer cuidar da pequena camada produtiva, da gua, do solo e do ar que respiramos.

Aprendemos com o povo japons que a solidariedade leva ordem, que a pacincia leva tranquilidade e que o sofrimento compartilhado leva reconstruo.

Esse exemplo do Japo “Escoteiro”, de solidariedade, de bravura, dignidade, de humildade, de respeito aos vivos e aos mortos ficar impresso em todos que acompanharam os eventos que se seguiram a 11 de maro.

Feliz Dia do Escoteiro e Feliz Pscoa a todos!!

Rubem Tadeu C. Perlingeiro

Presidente da Diretoria Executiva Nacional

(Adaptado do artigo da Monja Budista Coen Sensei sobre o desastre natural ocorrido no Japo em 11 de maro)

Link Relacionado

Feliz dia do Escoteiro e Feliz Pscoa

Fale

Conosco

Escoteiros do Brasil - Educação e lazer para crianças e jovens