Escoteiros do Brasil - Educação e lazer para crianças e jovens

Projeto Movidos pelo Escotismo em parceria com a Operação Rondon, no Paraná

26 de Maio de 2017


A Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), no Paraná, está desenvolvendo a Operação Rondon, com o objetivo de somar esforços com as lideranças comunitárias e com a população do Estado, a fim de contribuir com o desenvolvimento local sustentável e na construção e promoção da cidadania.

Em parceria com a Região Escoteira do Paraná, a Operação Rondon busca jovens e voluntários, preferencialmente atuantes no Ramo Pioneiro, para atuar na iniciativa nas cidades de Jacarezinho, Santo Antônio da Platina, Conselheiro Mayrinck, Cambará, Ribeirão Claro, Carlópolis, Joaquim Távora, Siqueira Campos, Wenceslau Braz e Barra do Jacaré.

Serão selecionados 40 jovens e 10 escotistas – todos os participantes da Operação Rondon passarão por uma capacitação, tornando-se aptos a realizar atividades comunitárias de diagnóstico e resolução das demandas dos municípios junto aos moradores e líderes regionais. A ação contará com cursos, oficinas e palestras dos mais variados temas como: saúde, educação, meio ambiente, direitos humanos e outros.

Além disso, em reunião realizada na sede nacional dos Escoteiros do Brasil, definiu-se que os participantes do Movimento Escoteiro que forem selecionados na Operação Rondon farão parte da terceira edição do projeto Movidos pelo Escotismo, uma vez que receberão da União dos Escoteiros do Brasil um treinamento para apresentar o Movimento Escoteiro nas cidades que receberão a Operação Rondon, buscando abrir, em parceria com as prefeituras, novas Unidades Escoteiras Locais (UEL). Participaram da reunião a 2ª vice-presidente da Diretoria Executiva Nacional dos Escoteiros do Brasil, Ilka Campos, o secretário-geral, David Ortolan, o gerente de projetos, Manoel Salles, e os professores da UEPG Mário Cezar Lopes e Silvio Luiz Rutz da Silva.

Como participar?

É preciso ter registro ativo em 2017 e ter, no mínimo, 18 anos – serão selecionados, preferencialmente, jovens e voluntários que atuem no Ramo Pioneiro. Além disso, é fundamental saber trabalhar em equipe e ter habilidade de liderança ou querer desenvolvê-la. Jovens e escotistas de outros Estados também podem se inscrever.

As inscrições foram prorrogadas e acontecem até 2 de junho, e devem ser feitas pelo Sigue.

Para mais informações, confira o Edital.

Fale

Conosco

Escoteiros do Brasil - Educação e lazer para crianças e jovens