Escoteiros do Brasil - Educação e lazer para crianças e jovens

Novo vídeo dos Escoteiros do Brasil fortalece o debate sobre prevenção ao uso de drogas

29 de janeiro de 2019


Tratar de um assunto tão importante como a Proteção Infantojuvenil, principalmente em uma instituição que atua diretamente com crianças, adolescentes e jovens, é essencial. Para os Escoteiros do Brasil, a temática é de tamanha seriedade que, periodicamente, o tema é revisado por meio de publicações e nos cursos de formação de adultos, passo primordial para o avanço e capacitação dos voluntários, bem como para a atuação prática na eventual necessidade da rotina de um grupo.

Entre os materiais que a instituição elaborou e divulgou sobre a Proteção Infantojuvenil, dois tratam especificamente da prevenção ao uso de drogas – a cartilha ‘Papo Reto – Drogas: um caminho quase sem volta’, publicada em 2014 e reeditada em 2017, e o mais novo vídeo de apoio ao Programa Educativo ‘Papo Reto – Prevenção contra o uso de drogas’ foi divulgado em janeiro de 2019, com a colaboração da ASDE – Federación de Scouts-Exploradores de España, a organização nacional escoteira espanhola.

O vídeo conta o breve episódio de uma chefe escoteira que, ao perceber a mudança de comportamento de um dos membros da patrulha, conversa amigavelmente com o garoto e acaba por descobrir que o jovem fez uso de drogas. De forma lúdica e informativa, o conteúdo demonstra a abordagem que deve ser feita em casos como o retratado. O objetivo principal do material é fortalecer o compromisso dos Escoteiros do Brasil em assegurar um ambiente escoteiro seguro para as práticas de suas atividades educacionais, fornecendo ampla gama de materiais que orientem e sirvam de apoio para os escotistas.

Junto às outras publicações, o vídeo agrega ainda mais ao debate sobre a temática da Proteção Infantojuvenil dentro do Movimento Escoteiro. Além de toda a formação do adulto, a própria rotina de um grupo já conta com debates sobre assuntos como bullying, assédio, drogas, entre outros. Os jovens têm espaço para discutir os temas entre eles e com os adultos voluntários, por meio das atividades que são oferecidas pelo Programa Educativo. Na visão da vice-presidente dos Escoteiros do Brasil, Ilka Denise Rosseto Gallego Campos, a atenção à esta área é de extrema importância no processo educativo. “As drogas são uma realidade em nossa sociedade e é importante que os adultos estejam preparados para abordar e tratar deste assuntos que envolvem de maneira negativa as nossas crianças, adolescentes e jovens. Os materiais, cartilha e vídeo dão subsídios aos nossos educadores voluntários, Escotistas e Dirigentes para ações preventivas e de aconselhamento sobre o tema”, comenta.

Fale

Conosco

Escoteiros do Brasil - Educação e lazer para crianças e jovens