Escoteiros do Brasil - Educação e lazer para crianças e jovens

Escotismo e comunidade – Refugiados

30 de agosto de 2019


Um integrante da Equipe Nacional de Migra√ß√£o e Ref√ļgio visitou a Escola Municipal Almirante Tamandar√© (Paranagu√° – PR) na manh√£ de quinta-feira (29) para conversar e jogar com as crian√ßas que v√£o receber novos alunos refugiados na pr√≥xima semana. Lucas Lahoni √© pioneiro do Grupo Escoteiro do Mar Ilha do Mel (85¬į/PR).

Al√©m do encontro com as crian√ßas, Lucas fez uma reuni√£o com a equipe pedag√≥gica da escola para compartilhar conhecimento. Para as crian√ßas foi uma abertura para aprender mais sobre empatia, inclus√£o e diversidade dos refugiados. “O mais importante √© respeitar e chamar para brincar‚ÄĚ disse uma crian√ßa durante as din√Ęmicas.

Para Lucas, tamb√©m foi uma oportunidade de lidar com um tema t√£o importante. “N√≥s precisamos urgentemente nos preocupar com respeitar e chamar para brincar. O mundo precisa mais disso. Eu tenho muita sorte de estar numa equipe t√£o comprometida com a nossa miss√£o”.

Fale

Conosco

Escoteiros do Brasil - Educação e lazer para crianças e jovens