Escoteiros de Pernambuco se reúnem na UFPE

12 julho 2017

Nesta sexta-feira (7), 250 escoteiros de várias partes do estado vão desembarcar na Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) para a primeira edição do Escotismo no Campus. Com o lema “não precisamos de muita coisa, só uns dos outros”, o evento reúne crianças e adolescentes de Barreiros, Palmares, São Bento do Una, Brejo da Madre de Deus, Gravatá, Jaboatão, Camaragibe e Itamaracá, além de clubes do Engenho do Meio e Alto do Eucalipto, no Recife.

Os escoteiros ficarão acampados do Núcleo de Apoio a Eventos (NAE), da UFPE, até o domingo (9). Ao longo do fim de semana, serão desenvolvidas atividades como oficinas de nós, canções e atividade mateira, quando eles terão que preparar a própria comida. “A gente fornece o café da manha e o almoço. Para o jantar, a gente dá a comida e eles vão preparar com coisas que eles encontrariam na mata. Fazer pipoca em bambu, cozinhar arroz em bambu, por exemplo” explica Sergio Santos, organizador do evento.

O ponto alto do acampamento acontece na manhã de domingo quando os escoteiros vão pintar os brinquedos da Praça do Engenho do Meio, recolher lixo reciclável e plantar mudas de árvores nativas. Uma parceria firmada com a Emlurb vai fornecer o material necessário como pincel e tintas. “Um dos lemas do escotismo é que a gente sempre deixa o lugar melhor do que encontraram”, explica Sergio.

A acampamento é dividido em subcampos: Lobinho, de 7 a 10 anos; Escoteiro de 11 a 14; Sênior, de 15 a 17; e Pioneiro, de 18 a 21. O evento possui apoio da Pró-Reitoria para Assuntos Estudantis (Proaes), da UFPE.

Fonte: www.diariodepernambuco.com.br

Skip to content