Escoteiros do Brasil - Educação e lazer para crianças e jovens

Escoteiros vo Av. Brasil divulgar aes


02/12/2014 14:58:31


Em comemorao aos 100 anos do escotismo no Estado de So Paulo, 50 escoteiros do grupo Wellington Alexandre Medeiros, de Americana, se reuniram ontem, na Avenida Brasil, para abordar motoristas e pedestres e explicar sobre o movimento e seus objetivos. Os participantes foram divididos em quatro grupos durante a ao, que aconteceu nos semforos e cruzamentos da avenida.

De acordo com o responsvel pelo grupo, Reginaldo Valdir da Silva, 28, a ao teve como objetivo divulgar o movimento, suas atividades e tambm convidar as pessoas a participarem do escotismo na cidade. Alm disso, os "adultos voluntrios", como so chamados os escoteiros acima de 21 anos, tambm estavam arrecadando doaes de diversos itens para envio ao Fundo Social de Solidariedade.

"Todos os sbados nos reunimos tarde para nossas atividades e hoje (ontem) essa atividade est sendo um pouco diferenciada. Queremos mostrar para as pessoas, atravs dos prprios escoteiros, o que o movimento e como a comunidade pode fazer para participar", disse.

Segundo Silva, o grupo em Americana conta com 70 escoteiros na faixa etria entre 6 e 21 anos. As reunies acontecem aos sbados, das 14h30 s 17h30, no Jardim Botnico Prefeito Carroll Meneghel.

Um dos participantes da ao, Vitor Pereira Pinto, 15, contou que est no grupo h um ano e que o escotismo trouxe melhorias para sua vida e relacionamento com as pessoas. "Fiquei sabendo do grupo na escola e me interessei em participar. Ser escoteiro me ajudou a ter mais respeito com as pessoas e a ter uma noo melhor do que certo ou errado. Aqui fiz amigos de verdade", garantiu. "Escotismo uma escola fora da escola com lies prticas, ao invs de tericas", completou o estudante.

Porta-voz de um dos quatro grupos da ao, Luana da Silva Pereira, 17, citou uma frase do fundador do escotismo no Brasil, Robert Stephenson Smyth Baden-Powell, para explicar o movimento. "No existe ensino que se compare ao exemplo, como disse o fundador do escotismo. Ser escoteiro um desafio em busca de se superar a cada dia, tornando-se uma pessoa melhor", afirmou Luana.

J o estudante Pedro Monteiro da Rocha Ramos, 14, v o movimento como uma alternativa urbanizao e ao isolamento das pessoas nos dias atuais. "Ser escoteiro algo diferente. Enquanto a maioria das pessoas vive num mundo urbanizado e ficam fechadas em casa, ns temos um amplo contato com a natureza e com as pessoas. Tambm somos incumbidos de fazer a diferena e transformar o mundo num lugar melhor para todos", destacou o escoteiro.

Para encerrar as atividades de 2014, os escoteiros faro um acampamento em So Joo da Boa Vista. A atividade acontecer nos dias 13 e 14 de dezembro numa fazenda do municpio. Os interessados em participar do grupo a partir de 2015 podem entrar em contato pelo e-mail [email protected] ou pelo Facebook (www.facebook.com/gesp315). No caso de menores de idade, necessria autorizao dos pais.

Fonte: portal.tododia.uol.com.br/

Fale

Conosco

Escoteiros do Brasil - Educação e lazer para crianças e jovens