Escoteiros do Brasil - Educação e lazer para crianças e jovens

Escoteiros vigiam os símbolos da Pátria

5 de setembro de 2016


A pira e o Fogo Simbólico da Pátria estão sob os cuidados dos escoteiros de Santa Maria, na Praça Saldanha Marinho. Todos os dias, entre 8h e 18h, diferentes grupos montam guarda no acampamento improvisado no local. À noite, a responsabilidade é transferida aos militares.

No domingo, o 22º Grupo de Escoteiros Henrique Dias passou o dia na Praça. Mesmo com chuva, jovens entre 7 e 21 anos não arredaram pé do local. Para o diretor técnico do grupo, Eduardo Alves, a atividade foi essencial para proporcionar lições de civismo para a garotada.

“Nossa estadia na Praça foi muito tranquila, os jovens aproveitaram para conversar e aumentar o entrosamento no grupo. Trata-se de um evento de integração e de civismo. É importante que eles tenham amor à Pátria, mesmo com todos os problemas que o país enfrenta”, explica Alves.

Quando a equipe do Jornal A Razão esteve na Praça, ontem à tarde, Vinicius Pissolato Silveira, 13 anos, e Ana Clara Ferreira, 11, eram os responsáveis por cuidar os símbolos da Pátria. Ambos não pareciam se importar em ficar de guarda enquanto caía uma fina garoa.

“É muito legal participar, pois temos que vigiar a Bandeira Nacional”, dizia com orgulho Ana Clara, que está há quatro anos no Grupo de Escoteiros Henrique Dias.

Já Vinicius, que integra o grupo há poucos meses, também estava contente em fazer parte da guarda.
“Vale a pena participar. Também quero ir ao desfile de 7 de setembro”, afirmou o garoto.

Fonte: www.arazao.com.br

Fale

Conosco

Escoteiros do Brasil - Educação e lazer para crianças e jovens